terça-feira, 24 de maio de 2016

Gêmeos da raça Girolando nascem na Estação Experimental de Itambé

Uma vaca da raça Girolando pariu bezerros gêmeos, na Estação Experimental do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), em Itambé. “Foram dois machos, oriundos de ovulação dupla. Por essa razão, os animais não são idênticos”, fala o Supervisor da Estação Experimental de Itambé-PE, Fernando Tenório. Ele explica que partos gemelares não são comuns em bovinos. Havia 15 anos que o fato não ocorria na Estação de Itambé. “É um fato interessante e que requer , dos produtores, maior atenção nutricional, tanto para a genitora como para os bezerros”, conclui ele.

Sertão Central recebe a 24ª edição da Cavalgada da Pedra do Reino

Manifestação cultural que reconta o episódio da tragédia sebastianista na Serra do Catolé, no município de São José do Belmonte, segue com diversas atividades culturais



Teve início neste último domingo (22), no município de São José do Belmonte, no Sertão Central de Pernambuco, a XXIV Cavalgada da Pedra do Reino, manifestação cultural que reconta o episódio da tragédia sebastianista na Serra do Catolé. A iniciativa conta com apoio do Governo do Estado de Pernambuco, através da Secretaria de Cultura e Fundarpe, e é uma realização da Associação Cultural da Pedra do Reino, em parceria com a Prefeitura de São José do Belmonte.

Com o tema “Romance d’A Pedra do Reino e o Príncipe do sangue do vai- e- volta”, a programação conta com as tradicionais festividades que atraem visitantes de toda região. Dentre elas, destacam-se a Cavalhada e a Cavalgada à Pedra do Reino, na qual os cavaleiros participantes mais uma vez anunciarão o legado do Rei Desejado, evocando a figura do rei D. Sebastião. 

Para Márcia Souto, presidente da Fundarpe, esta é uma importante manifestação cultural do sertão pernambucano. “Não foi à toa que este movimento tão rico inspirou boa parte da literatura de Ariano Suassuna. A Cavalgada da Pedra do Reino cumpre mais uma vez a missão de fortalecer os laços de cada território com sua própria tradição, valores e costumes”, opina.

Durante a Cavalhada, que acontece na tarde do sábado (28), duas equipes de cavaleiros, intituladas Azul e Encarnado, reproduzem jogos típicos da Idade Média, procurando acertar argolas penduradas com suas lanças durante a corrida. A concentração será em frente à Igreja Matriz de São José, e depois o público segue em direção ao Carvalhão, com direito a apresentações da Banda Filarmônica São José, Banda de Pífanos do Mestre Ulisses e Grupo de Cavalhada de Zeca Miron. Ainda no sábado (28), às 9h, a Praça Sá Moraes receberá apresentações de cultura popular, com bandas de pífanos, reisados, violeiros e repentistas, entre outras atrações.

O domingo (29) começa cedo com o ponto alto da celebração popular, quando os fogos de artifício são acionados e os primeiros cavaleiros começam a surgir em frente à Igreja Matriz de São José. O trajeto da Cavalgada à Pedra do Reino contará com apresentação de corais, bandas filarmônicas e de pífanos, e segue até o Sítio Histórico da Pedra do Reino, onde uma multidão aguarda a chegada dos cavaleiros uniformizados para a tradicional festa. Este ano o rei da Cavalgada à Pedra do Reino é o Sr. José Iran de Oliveira Barros, que participa do evento desde a primeira cavalgada e foi um dos fundadores da Associação Cultural Pedra do Reino.

História – A Pedra do Reino é formada por duas grandes rochas (uma com 30 e outra com 33 metros de altura), na Serra do Catolé, Município de São José do Belmonte (a 479 km do Recife). Este endereço é o destino final da cavalgada que acontece todos os anos e que relembra o movimento sebastianista liderado por João Antônio dos Santos, em 1838. No local, o auto proclamado Rei João Antônio formou uma comunidade de fiéis seguidores, prometendo um reino de justiça, liberdade e prosperidade, no qual os pobres ficariam ricos e até os pretos renasceriam brancos.

Em 1971, o escritor Ariano Suassuna publicou o livro “O Romance d’A Pedra do Reino e o Príncipe do Sangue do Vai-e-Volta”, resgatando e dando notoriedade ao episódio. O Memorial da Pedra do Reino, situado à Praça Pires Ribeiro, 34, no Centro de São José do Belmonte, expõe quadros, livros, documentos e fotos que se relacionam com o movimento e toda história de fé, fanatismo, tragédia e festa ocorridos no local.

Parceria entre Estado e Prefeitura do Recife garante moderna creche-escola no Barro‏

Governador Paulo Câmara inaugurou nesta terça, ao lado do prefeito Geraldo Julio, as dependências da unidade, que contou com aporte de R$ 2,7 milhões da Compesa 



O cuidado com a primeira infância e o compromisso com fortalecimento das estruturas oferecidas às crianças ao longo desse período - de zero a seis anos - foram destacados, nesta terça-feira (24.05), pelo governador Paulo Câmara como prioridades que precisam ser assumidas pelo poder público para a construção de uma geração mais conectada com o futuro. O chefe do Executivo estadual fez o registro durante a cerimônia de inauguração da Creche-escola Presidente Tancredo Neves, no Barro, no Recife. Ao lado do prefeito Geraldo Julio, Câmara pontuou ainda que a unidade municipal dialoga com o conceito de educação e inclusão que o Estado tem adotado em sua rede de ensino.


“Todos nós sabemos que, com uma primeira infância bem feita, o desenvolvimento das crianças acontece de maneira muito melhor. Então, é investindo na educação, nas creches para essas crianças que vamos ter uma futura geração mais preparada para os desafios desse mundo moderno e conectado. Esse mundo vai precisar de crianças, aqui no Recife e em todos os municípios pernambucanos, aptas a enfrentar esses obstáculos”, sublinhou.


A unidade é nona entregue pela Prefeitura do Recife dentro do novo padrão estrutural da rede municipal de ensino. Fruto de um convênio firmado entre a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e a gestão municipal, a construção do equipamento contou com investimento de R$ 3,5 milhões. Desse total, R$ 2,7 são provenientes da estatal, através de medidas compensatórias de ação social.


Inicialmente, a creche-escola começa a funcionar com uma oferta de 115 vagas voltadas para crianças de 0 a 3 anos, distribuídas em seis turmas - do berçário ao grupo 3 da educação Infantil. A partir de 2017, a unidade receberá mais 105 crianças, com idade entre 4 e 5 anos. O inicio das atividades para esse grupo acontece no próximo ano para garantir 200 dias letivos, o que não seria possível com o inicio das aulas em maio. Na creche-escola, que funciona em regime integral, os pequenos farão cinco refeições diárias com cardápio elaborado com orientação de nutricionistas.


O prefeito Geraldo Julio detalhou o novo padrão de qualidade que está sendo implantado na rede municipal de ensino. “Esse é o programa Escola do Futuro, que já conseguiu que nossos alunos tirassem as melhores notas de Português e Matemática no Recife. A gente está cuidando da escola por dentro da sala de aula, trazendo recursos tecnológicos, programas inovadores que estimulam os profissionais de educação e as crianças. Pode ter em algum País do mundo alguma criança tendo a oportunidade de ter a sua inclusão digital com um equipamento igual às crianças aqui do Barro, porém mais avançado não tem”, garantiu o gestor municipal.


Pai de Letícia Alves, de um ano e dois meses, Tiago Farias, 31 anos, elogiou a qualidade da unidade de ensino ofertado na creche-escola. “O que mais impressionou é a quantidade de profissionais qualificados que nós encontramos aqui, como nutricionistas, cuidadores e professores. Temos outra filha que está na iniciativa privada e não tem a qualidade que essa creche está oferecendo”, destacou o administrador, que acompanha a filha na semana de adaptação.


INFRAESTRUTURA - Erguida em uma área de 2.000 metros quadrados, a Creche-escola Tancredo Neves reúne oito salas de aula climatizadas e com acessibilidade para alunos com deficiência, biblioteca, espaço tecnológico, fraldário, refeitório e banheiros adaptados à faixa etária. E mais: as crianças terão acesso a recursos pedagógicos modernos, tecnologia na educação através de cinco mesas educativas que vão auxiliar na alfabetização, além de kits de robótica de encaixe da Lego e livros e CDs do Palavra Cantada.



Fotos: Aluisio Moreira/SEI

Madalena entrega fardamento na creche José Rabelo e atende demandas da população do Jardim da Serra

“Aqui ele tem atenção, é bem cuidado e bem tratado desde o porteiro até ao pessoal dos serviços gerais. Aqui é tudo limpo, ele recebe uma merenda boa. Já está bem adaptado. Essa creche foi uma benção”, declarou Edigleice Pereira, 28 anos, mãe de Mateus de um ano e cinco meses. Ela falou em nome de todas as mães presentes durante a entrega dos fardamentos das crianças da Creche José Rabelo de Vasconcelos, nesta terça-feira (24).

A prefeita Madalena Britto fez questão de estar presente, ouvir as mães e os pais. “Esse equipamento só foi entregue devido a determinação e empenho da prefeita, que mesmo sem ter recebido os recursos para equipar a creche usou de recursos próprios para atender a demanda social da área do Jardim da Serra.”, enfatizou o secretário de Educação, Kerley Lafayette.

Atualmente, 95 crianças estão sendo atendidas na creche e recebem três refeições diárias com um cardápio elaborado pela nutricionista da Secretaria de Educação, Ariacy Britto . “Quando eu chego, meu filho tá tomado banho e bem alimentado. Ele é muito feliz aqui”, ressaltou Edigleice.

“Esse é um investimento no futuro. A educação é o maior legado que podemos deixar,”, falou a prefeita, que, na ocasião, ainda ouviu as demandas das mães. A gestora prometeu a melhoria do acesso a creche, assim como, algumas necessidades dos moradores da Cidade Jardim. “Ouvir as pessoas é uma prática do nosso dia a dia. A população me conhece e sabe que recebo e escuto de um por um”, finalizou a gestora.

Fotos: César de Almeida

Senadores pedem para PGR investigar interferência de Jucá na Lava Jato

A bancada do PT no Senado apresentou, na tarde desta terça-feira (24), representação à Procuradoria-Geral da República (PGR) em que solicita a instauração de procedimento investigatório para apurar até que ponto o ex-ministro do governo Romero Jucá (PMDB-RR) interferiu para obstruir a Operação Lava Jato e influiu para o afastamento da presidenta Dilma Rousseff. A peça também foi assinada por cinco outros senadores.

Os parlamentares petistas também irão pedir, amanhã (25), a suspensão do processo de impeachment no Senado. O senador Jucá foi flagrado sugerindo ao ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado que uma "mudança" no governo federal resultaria em um pacto para "estancar a sangria" representada pela Lava Jato, que investiga ambos. A conversa foi gravada de forma oculta semanas antes da votação na Câmara dos Deputados que desencadeou o afastamento da presidenta.

Para Humberto Costa (PT-PE), líder do Governo Dilma no Senado, os áudios divulgados pela imprensa deixam claro que o impeachment foi um evidente golpe, articulado somente para paralisar a Lava Jato, e que um processo declaradamente sujo, nascido de um acordão para golpear Dilma e colocar Michel Temer com fins escusos, não pode prosperar. 

“Nós sempre alertamos para essa tentativa suja de ruptura da ordem democrática liderada por corrompidos no Congresso, com apoio vergonhoso da elite empresarial e de grandes meios de comunicação”, afirmou Humberto. 

Os senadores também pedem que Jucá seja impedido de retornar ao cargo de ministro do Planejamento, do qual foi exonerado depois da divulgação dos áudios. A representação solicita ainda que, mesmo retomando o cargo de senador, o ex-ministro interino seja impedido de frequentar lugares, ter contato com pessoas ou usar sua função de parlamentar para, de qualquer  forma, tentar criar quaisquer obstáculos ao andamento da Operação Lava Jato. 

O documento diz que, "não bastasse a gravidade em si de se ter um senador da República a operar, francamente, no sentido de lograr a obstrução da Justiça, ou, quiçá, a praticar tráfico de influência em face do que, potencialmente, poderia ser dito às autoridades pelo senhor Sérgio Machado, o que ainda se observa, prima facie, é a inominável forja de ambiência institucional e mobilização da opinião pública propícias a desestabilização e derrubada de um governo legítimo”.
Humberto avalia que houve evidente desvirtuamento de finalidade do instituto do crime de responsabilidade. “Seria preciso submeter a Senhora Presidente da República à expiação, para que, amainada a ira cívica, se contivesse a sangradura do estamento político”, diz a representação.

Prefeitura de Arcoverde abre inscrições para o Curso de Camareira

A Prefeitura de Arcoverde, através da Secretaria de Assistência Social de Arcoverde e em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - Senar e o Sindicato Rural de Sertânia, abre inscrições nesta quarta-feira, 25 de junho, para o curso de Camareira. Nele, os alunos aprenderão a executar os procedimentos operacionais de limpeza, higienização, arrumação, vistoria, reposição dos materiais das unidades habitacionais de meios de hospedagem, zelando pelos objetos pessoais, hábitos, preferências e a cultura de hóspedes. Os alunos desse curso estão aptos a trabalharem em hotéis, motéis, pousadas, flats, resorts e albergues. 

O curso terá duas turmas, uma no horário da tarde e uma no horário da noite, oferecendo ao todo 27 vagas. Para se inscrever levar cópia de identidade, CPF, comprovante de residência e escolaridade.

Outras informações no Centro de Inclusão, que está localizado à Avenida José Bonifácio, nº 603, São Cristóvão, ao lado de Marcelo Vidros ou através do telefone (87) 3822-4557.

Escritório de Projetos e Cefospe divulgam cursos de junho para agentes públicos municipais‏

A parceria entre as Secretarias de Planejamento e Gestão (Seplag) e de Administração (SAD), que oferece vagas em cursos de capacitação para agentes públicos municipais, chega ao seu segundo mês com novas opções de disciplinas. Em junho, estarão disponíveis 75 vagas em 10 cursos diferentes (veja no quadro abaixo). A iniciativa é coordenada pelo Escritório de Projetos e pelo Centro de Formação dos Servidores do Estado de Pernambuco (Cefospe). 

Entre os cursos oferecidos em junho, estão Gestão de Projetos com Foco no Modelo Gerencial, Dispensa de Inexigibilidade de Licitação, Capacitação de Gestores dos Serviços de Infraestrutura – Especialidade telemática, Básico para Elaboração de Termos de Referência, Matemática Financeira com Foco no Modelo Gerencial, entre outros.

O objetivo da parceria é garantir que 10% das vagas dos cursos oferecidos pelo Cefospe sejam destinadas a servidores municipais de todo o Estado. A iniciativa visa estimular e fomentar, no âmbito da administração pública, um ambiente de permanente integração institucional, intercâmbio de conhecimentos e capacitação dos agentes públicos.

Os interessados precisam ficar atentos porque alguns cursos exigem pré-requisitos. O de Gestão de Projetos com Foco no Modelo Gerencial, por exemplo, requer conhecimentos básicos sobre elaboração de projetos, do Office Microsoft Excel e do LibreOffice Calc. Já o curso de Atualização em Direito Administrativo com Foco na Gestão Estadual exige que no gestor seja formado em direito e já tenha feito o curso de Noções Básicas de Direito Administrativo do próprio Cefospe.


Em maio, primeiro mês da parceria, 110 vagas foram oferecidas em 11 cursos diferentes. Alguns deles já encerraram, enquanto outros seguem até o fim do mês. Mais informações sobre as inscrições podem ser adquiridas através do telefone (81) 3182.3865, ou pelo email escritoriodeprojetos@seplag.pe.gov.br.  

Alunos do colégio São Domingos conhecem Estação Experimental de Arcoverde

Alunos do 4º ano do Ensino Fundamental, do colégio São Domingos, visitaram a Estação Experimental do IPA, em Arcoverde, na sexta-feira (20/05). Na ocasião, os estudantes participaram de uma aula de campo sobre reprodução, melhoramento e manejo do Girolando, bem como manejo e cultivo da palma forrageira.

O grupo, acompanhado dos educadores, Débora Rafaelly Barboza da Silva, Janine Lima Nunes e Cícero Carlos Aleixo, foram recepcionados pelo pesquisador do IPA, Júlio Cesar Vieira de Oliveira. A visita também contou com a participação do bolsista da FACEPE, Flávio Lino da Silva.